O outro lado da moeda!

Tenho inumeros temas para postar, hoje vou falar um pouco do musical ”O despertar da primavera”, mas antes vamos a uma pequena reflexão:

Qual é o problema do Brasileiro com ”Adaptar enlatados americanos”?
Eu acho que parte da graça da arte é reinventar o que já foi feito, e se foi feito em outro lugar, as vezes até de má qualidade ou com o unico intuito de vender. Porque não mostrar um outro lado? Uma outra proposta sobre a mesma coisa. Algo melhor do que já foi feito. Os atores são brasileiros, os diretores também, a equipe tecnica também. Então o que tem de errado?
A sociedade ”cult” (gostaria de saber quem definiu esse termo) se esquece que são tão alienadas as pessoas que enquadram tudo o que é nacional como lixo (penultimo post), quanto as que consideram qualquer produto americanizado como imprestável, ou indigno de ser adaptado e montado.
O que não pode acontecer é falta de filtro, mas se uma coisa é boa, porque não admitir isso?
Na minha concepção, ser artista é ser LIVRE de qualquer preconceito. Ter a mente aberta para assistir, saber tirar a parte boa de tudo aquilo que vê, e ter visão para diferenciar o que é uma grande ideia apesar de uma montagem ruim ou meia-boca, e o que é uma ideia meia-boca apesar da grande produção.



Anúncios

Uma resposta para “O outro lado da moeda!

  1. Olá Sofia, obrigada por ter deixado sua opinião. Também gostaria de saber quem criou o termo “cult”, mas não caindo na generalização, todos que conheço que se entitulam como “cult” não passam de imbecis metidos a intelectuais supremos.
    Acho válido a adaptação daquilo que se é bom ou pode ser melhorado.

    “tudo o que é nacional como lixo (penultimo post), quanto as que consideram qualquer produto americanizado como imprestável, ou indigno de ser adaptado e montado”

    E daí eu pergunto aos seres “cult's” o que eles irão assistir? macacos batendo palmas ou fumando em zoológicos?
    Claro que há muito conteúdo ruim na mídia nacional e internacional, na MINHA opinião, mas que na sua podem ser excelentes.
    Por isso apóio a criação e recriação da arte em geral.
    Não tem porque haver algo que rotule, uma coisa que foi criada para acabar com os rótulos.
    Parabéns pelo texto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s