O despertar da primavera e a ”censura”

Bom, primeiro tenho que admitir que mesmo sem ter ido assistir ainda (por falta de grana =/) já estou apaixonada pelo musical. Ví inúmeros vídeos e quando ví uma das tantas entrevistas sobre o musical, uma pessoa me deixou intrigada, o que me fez pesquisar um pouco mais sobre ela. Ela é Malu Rodrigues, 16 anos que me impressionou, muito mais pela sua forma de pensar e falar (vide video), do que por sua voz e interpretação (não menos incríveis). Falando um poquinho dela, é uma pessoa notavelmente dedicada, faz canto há oito anos e fez seu primeiro trabalho com 2 anos e meio, num especial da xuxa, na rede globo. Além de ser a protagonista do grande sucesso ”O Despertar da Primavera”, participou também de A arca de noé (primeiro musical), Sete e a Noviça Rebelde.

Mas o que anda chamando a atenção nos últimos dias, foi o veto da justiça sobre a cena em que Malu, exibia o seio. (Leia o que aconteceu aqui e aqui).
E eu venho a dar minha opinião sobre o assunto.
Será que um seio a mostra numa obra tão bonita é algo tão grave?
Olha a que ponto chega a hipocrisia dos que tem o poder de vetar ou não nosso trabalho.
Os inúmeros sites de PORNOGRAFIA (muitos de sites brasileiros) com chamadas do tipo ”Novinhas” ”Ninfetas” ” menos de 16”. Isso não é vetado.
Os canais que exibem filmes pornos depois da meia noite na tv aberta. Isso também não é vetado.
As tantas meninas de 12, 14 anos, as vezes até menos que estão grávidas geralmente violentadas pelos pais, tios e irmão, não é motivo de alguma medida. A lista de coisas é imensa e não vou ficar o dia inteiro aqui escrevendo.

Agora, vem cá Justiça Paulista, será que não existem coisas que precisem mais de atenção e de medidas públicas do que um seio a mostra?

Talvez por uma certa ironia do destino vemos uma censura em pleno 2010, digna de 1891.
E fica a dúvida, será que as coisas mudaram mesmo? Ou se tornou algo bárbaro demais para a sociedade não ter evoluído em quase 120 anos. E estamos mascarando a situação, mostrando que tudo é livre e a informação está ao alcance da mão de qualquer um na internet? Só isso resolve?


Anúncios

3 Respostas para “O despertar da primavera e a ”censura”

  1. Não me espanta a atitude das autoridades. Considerando que a justiça paulista é uma das mais conservadoras de todo o país. O juiz deu a interpretação dele, mas eu acho que foi fazer tempestade em copo d'água, já que a garota era emancipada. E pelo tipo de cena que realizaria, os pais/familiares/alguém mais que se importe estaria próximo, ou consentiu que a garota fizesse.

    Mas não vejo muita lógica quando compara a atividade policial e a censura, embora reconheça sua indignação por estar no meio teatral. Afinal, coisas mais sérias como pornografia é da justiça federal, salvo engano. Várias mulheres sofrem abusos sexuais Brasil-a-dentro, têm vergonha de procurar ajuda, até mesmo por causa de ameaças, e sem contar que a mídia não dá muita atenção para “crime de pobre”. Então… pouco se sabe, pouco se saberá a respeito.

    Como uma obra, essa peça teve sua divulgação e já havia a polêmica da cena em comento anteriormente. Não assisti e nem compreendo muito de teatro, mas tendo uma proposta mais madura, alguma indicação etária, e a garota sendo emancipada, imagino que tenham feito tempestade em copo d'água mesmo.

    Uma coisa engraçada, todo programa tem sua classificação etaria especificada, no entanto, toda a família se reune para ver novelas, onde de tudo acontece, sem se preocupar com isso.

    Daniel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s