Mix

 

Sonha, ama, canta, sente, calma.

Mistura todas as coisas, todas as cartas.

E casas.

Chuta, grita, deixa, passa, chata.

Tudo fica sem sentido agora.

E ela passa e me deixa sem ar.

Me faz chegar perto mesmo sem pensar.

Queria todos os momento, todos juntos em mim.

Queria o abraço, a pele. O gosto, o rosto.

Queria a voz agora nos meus ouvidos, queria o poder de poder te tirar do meu abrigo.

Minha mente.

Trabalho, ela, eu, eles, futuro, amor, teatro, saudade, vontade de proteger, tudo, nada.

Obrigações, vontades, prioridade, dúvidas, arte, vida, família, pequena, mundo, o vazio que fica quanto tudo está separado.

Libertação!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s